Testemunhos

Domingo - 08/08/2010 às 18:18

Perseguição somente nos tempos de Paulo e Estevão ? Não.

Informações sobre a Igreja Perseguida


“Se um membro do Corpo sofre, todos sofrem com ele”
1° Coríntios 12:26

      É muito bom podermos servir a Deus e ter a liberdade de prestar culto a Ele. É muito bom falar do Seu amor para as pessoas e estudar livremente a Bíblia. Mas, infelizmente essa liberdade não é a realidade de muitos.

      Para muitos, a existência de uma Igreja Perseguida é coisa dos tempos de Paulo e Estevão. Porém, em pleno século XXI muitos países ainda perseguem severamente os cristãos. O que mais me surpreende é que não são apenas 5 ou 10 países perseguidores de cristãos, mas em média existem 90 países que são intolerantes ao evangelho. Um número impressionante não é? Mas vamos prosseguir.

      O fato é que, enquanto temos essa maravilhosa liberdade de culto, muitos irmãos e irmãs são discriminados, hostilizados, maltratados, aprisionados e executados simplesmente por professarem a sua fé em Jesus Cristo. Um exemplo que muito me marcou quando li foi o de uma jovem cristã que teve o seu noivo assassinado semanas antes da data de seu casamento por uma razão irreal aqui para nós pertencentes da Igreja livre. Ou seja, o seu noivo pertencia a uma família de extremistas islâmicos que não aceitavam de maneira alguma o fato de ele ter se convertido ao cristianismo. Sua família e  vizinhos inconformados tentaram forçar ele a fazer a confissão da fé islâmica, mas ele não negou Jesus, e por isso, foi brutalmente torturado até morrer. Que história triste não é mesmo? Mas nem por isso a noiva daquele rapaz deixou de servir a Deus.

      Ao longo do tempo, trarei mais informações sobre a Igreja Perseguida e vocês verão que como estes dois jovens sofreram, existem inúmeros irmãos que sofrem todos os dias por seguir a Jesus. Se somos um só Corpo em Cristo, devemos sofrer e dividir com os que sofrem as suas cargas. E o mínimo que nós da Igreja livre podemos fazer é orar. Vamos a partir de hoje pedir a Deus que continue sustentando, fortalecendo e acrescentando a fé de todos os cristãos perseguidos existentes no mundo. Um grande abraço e até a próxima.

> Por Fabíola Sousa



Comentario Enviado com Sucesso!
Fechar